19 anos preso injustamente, australiano vai receber 5 milhões de Euros | TVFORENSE.com Para Dispositivos Móveis

Depois de passar 19 anos preso injustamente pela morte de um polícia, um australiano vai agora receber uma indemnização de 7 milhões de dólares australianos (cerca de 4,5 milhões de euros).   A indemnização é fruto de uma longa batalha judicial que Dav...

noticias, artigos, notas, releases, pautas, tv, acontecimentos, fatos, reportagens

19 anos preso injustamente, australiano vai receber 5 milhões de Euros

Publicado por: admin
28/10/2019 14:09:21
EPRENSA / Flickr
EPRENSA / Flickr

Depois de passar 19 anos preso injustamente pela morte de um polícia, um australiano vai agora receber uma indemnização de 7 milhões de dólares australianos (cerca de 4,5 milhões de euros).

 

A indemnização é fruto de uma longa batalha judicial que David Eastman, agora com 74 anos, travou com os tribunais australianos, que anunciaram a decisão na semana passada.

 

Foi em meados de 1995 que David foi condenado a prisão perpétua pelo assassinato de Colin Winchester, comissário assistente da Polícia Federal Australiana. O crime aconteceu seis anos antes da condenação, em 1989.

 

Depois de vários recursos apresentados (1999, 2000, 2001, 2005 e 2008), a sentença foi anulada em 2014 depois de um inquérito judicial ter determinado que David foi vítima de “um erro substancial da justiça“, devido a falhas nas evidências policiais usadas em seu julgamento, conta a revista Sábado.

 

Um novo julgamento realizado no final do ano passado, considerou David inocente pela morte de Winchester. No início deste mês, David rejeitou uma compensação de mais de 2,5 milhões de dólares australianos proposta pelo Governo, pedindo antes um valor que rondasse os 9 e os 12 milhões de euros.

 

O valor da indenização foi fixado nos 7 milhões de dólares australianos, tendo o juiz justificado o valor com a dificuldades que David passou na prisão, bem como a perda da sua vida profissional, pessoal e da sua capacidade económica.

 

David argumentou que tinha perdido o oportunidade de ter uma família e uma carreira, recordando que duas das suas irmãs e a sua mãe morreram enquanto estava preso.

 

À época, nota ainda a revista Sábado, a morte violenta de Winchester abalou todo o sistema jurídico e político da Austrália, desencadeando uma das maiores investigações criminais de sempre. David, funcionário público conhecido da população, tornou-se mesmo numa figura odiosa em Camberra.

 

David pretende agora seguir com a sua vida, segundo relatou o seu advogado. Quanto ao assassinato de Winchester, continua sem culpado.

 

Fonte: Planeta ZAP 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

A Carne é Fraca

Vídeos relacionados